Topo

Nintendo Switch está liberado para ser vendido no Brasil

Comente

Depois de muita espera e falsas notícias sobre a homologação por outras empresas, parece que finalmente a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) concedeu homologação para o Nintendo Switch. Com validade até dezembro de 2019, o certificado de homologação para o Nintendo Switch foi solicitado pela empresa M RS Digital, com endereço em Taubaté (SP). A empresa conseguiu a permissão para o console e os controles no início de fevereiro, ambos incluídos na categoria Transceptor de Radiação Restrita II, e indicou que os equipamentos serão fabricados na China pela Foxconn Electronics.

Não foi possível fazer contato com a Nintendo para confirmar a informação, porém, no site de homologação da Anatel, a empresa citada acima consta como obtendo duas autorizações em relação ao Nintendo Switch, uma para o console e outra para o controle.

Nintendo Switch está liberado para ser vendido no Brasil

Como comprar o Nintendo Switch?

Quando a Nintendo anunciou em janeiro de 2015 a interrupção das vendas dos consoles Wii U e 3DS, e dos seus respectivos games, por meio da companhia Gaming do Brasil, a companhia citou os altos impostos de importação entre os motivos da decisão. 

Veja também:

Apesar da homologação o console ainda não possui um preço definido para o Brasil até porque, apesar de o aparelho ter sido homologado pela Anatel, não há garantias de que ele será realmente vendido no País. A informação é de que ele possivelmente será importado, já que a fabricante é da China. O Nintendo Switch foi lançado nos Estados Unidos em março de 2017 por US$ 300 (cerca de R$ 960).

Na época, o gerente-geral para América Latina da Nintendo of America, Bill van Zyll, afirmou que "o Brasil é um mercado importante para a Nintendo e lar de muitos fãs apaixonados mas, infelizmente, desafios no ambiente local de negócios fizeram nosso modelo de distribuição atual no país insustentável".

Com a homologação, a empresa responsável pelo produto também deve oferecer a garantia aos consumidores. Os fãs ainda devem continuar no aguardo da venda do Switch, porém com uma maior esperança de que, muito em breve, as vendas devem ser iniciadas, já que o produto já foi autorizado pela Anatel aqui no Brasil e também por conta da eShop, loja virtual do Switch, já ter começado a funcionar no Brasil, mas de forma limitada, apenas para resgate de códigos.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: