Topo

A Copa Libertadores se adapta ao estilo europeu

Comente

Os executivos do futebol da América do Sul querem acabar com a idéia de partidas de ida e volta, adotando o sistema de competição usado pela UEFA para as suas competições de clubes.

Os diretores da CONMEBOL estão reunidos em Moscou, e por um anúncio pelo Twitter, definiram neste 11 de junho, a alteração que vai acontecer para a final da Copa Libertadores, que a partir de 2019 vai ser definida em um único jogo, como é no caso da Champions League e da Europa League. Ainda deve ser definido onde será a sede da final da Copa Libertadores em 2019, e também os critérios para escolhe-la, mas foi confirmado que a final será disputada no sábado, 23 de novembro, em horário a confirmar, embora se especula que seria às 16h30, pensando na televisão europeia e asiática.

A Copa Libertadores se adapta ao estilo europeu

Os torcedores são os mais afetados em torneios dessa natureza na América do Sul, já que a transferência de um país para outro tem um custo muito alto e requer muitas horas de viagem, fazendo que os jogos como visitante sejam exclusivos para os fãs que possam arcar com os custos.

Para a competição atual, a maioria das equipes que avançaram para a fase de playoffs são de países vizinhos — Brasil e Argentina, com quatro times brasileiros (Palmeiras 18,2%, o Corinthians 15,4%, Santos 12,5% e Grêmio 10%) e dois argentinos (River Plate 10% e Boca Juniors 10%) como favoritos nas casas de apostas como Bumbet, para vencer este torneio, com dados de 12 de junho.

A alta concentração de equipes do Brasil e da Argentina para a Copa Libertadores, se deve a que, desde 2016, ao fato de que as equipes mexicanas decidiram suspender a sua participação no torneio, porque como relatado pela ESPN, o calendário de jogos da Liga MX transpõe com o da Copa Libertadores. Isso abriu mais vagas para as equipes sul-americanas.

No entanto, a CONMEBOL quer atrair a participação dos clubes mais importantes do continente, fazendo uma oferta financeira altamente valorizada para as equipes que chegam ao final do torneio, já que cada clube receberá um bônus de US$2 milhões para compensar seu jogo local. Até agora o único fato concreto é que a Final da Copa Libertadores de 2019 vai ser jogada no dia 23 de novembro, em um local a ser definido, que será escolhido dependendo da atração de fanáticos pelos finalistas.

Lima, Montevidéu e Santiago estão atualmente concorrendo às honrarias e serão submetidos a um intenso estudo com alto padrão de qualidade, para selecionar a opção que ofereça mais segurança, facilidade de transporte e conforto para jogadores e torcedores. O local escolhido poderá ser anunciado em agosto, após a Copa do Mundo.

Outras alterações feitas pela CONMEBOL sobre o torneio incluem a modificação para que esse ocorra de janeiro a novembro, permitindo que os jogos sejam realizados com mais calma do que em edições anteriores, já que o evento foi tradicionalmente jogado durante o primeiro semestre do ano, forçando as equipes a fazerem viagens constantes e exaustivas pelo continente, enquanto jogam em seus torneios locais.




Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!

Oi, Bem-vindo!

Acesse agora, navegue e crie sua listas de favoritos.

Entrar com facebook Criar uma conta gratuita 
Já tem uma conta? Acesse agora: